Skip to content

Frases nas canções II

09/10/2010

“Na verdade nada é uma palavra esperando tradução”. (Humberto Gessinger – Piano Bar (Engenheiros do Hawaii))

“Penso que cumprir a vida seja simplesmente conhecer a marcha e ir tocando em frente”. (Renato Teixeira e Almir Sater – Tocando em frente )

“Eu não preciso ler jornais, mentir sozinho eu sou capaz”. (Raul Seixas – Cowboi fora da lei)

“O céu é só uma pomessa, eu tenho pressa, vamos nessa direção”. (Humberto Gessinger – A promessa (Engenheiros do Hawaii))

“Tenho poucos amigos, mas não foram comprados”. (Chorão – Direto e reto sempre (Charlie Brown Jr))

“Cada um sabe a alegria e a dor que traz no coração”. (Sérgio Britto – Epitáfio (Titãs))

Já cheguei a tal ponto de me trocar diversas vezes por você, só pra ver se te encontro!” (Fernando Mendes, Lucas e José Wilson – Você não me ensinou a te esquecer (Caetano Veloso))

“É que Narciso acha feio o que não é espelho”. (Caetano Veloso – Sampa)

“Um homem de moral não fica no chão, nem quer que a mulher le venha dar a mão. Reconhece a queda e não desanima. Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima”. (Paulo Vanzolini – Volta por cima)

“Não basta o compromisso, vale mais o coração. Já que não em entendes, não me julgue, não me tentes”! (Renato Russo – 1º de julho (Legião Urbana))

“Pra que usar de tanta educação para destilar terceiras intenções?” (Cazuza, Ezequiel Neves e Reinaldo Arias – Codinome Beija- Flor (Cazuza))

“Você que inventou a  tristeza, ora tenha a fineza de ‘desinventar’ “. (Chico Buarque – Apesar de você)

“A cada dobra conta histórias, de muitas delas sinto medo. São muitos enredos enrolados e embriagados, como nós!” (Lucas e Tavares – Milonga (Fresno))

“Não te trago flores porque elas secam e caem ao chão, te trago meus versos simples, mas que fiz de coração.” (Cassiane Silva e Richardson Maia – Versos Simples (Chimarruts))

“Quem foi que disse que pra estar junto precisa estar perto?” (Bernardo Faria e Conrado D’Avila – Pensa em mim (Darvin))

“Pra quê para de refletir, se o meu reflexo é você?” (Bernardo Faria e Conrado D’Avila – Pensa em mim (Darvin))

“Oh mundo tão desigual, de uma lado esse carnaval, de outro a fome total”. (Torquato Neto e Gilberto Gil – A novidade (Gilberto Gil))

“Quando a solidão chegar, querendo me acompanhar, eu não vou desanimar, jamais vou me entregar! Eu vou canta, vou compor pra esquecer essa dor”. (Xande de Pilares, Sérgio Rufino e Arthur Luis – Talvez (Grupo Revelação))

“Eu tento me erguer às próprias custas e caio sempre nos seus braços”. (Edgard Scandurra – O Girassol (IRA!))

“Porque querer está tão longe de poder”. (Edgard Scandurra – Eu quero sempre mais (IRA!))

“Quem cede a vez não que vitória”. (Jorge Aragão – Identidade)

“Amar é aceitar que ninguém é perfeito pra ninguém. É poder ser você mesmo e não precisar fingir”. (Rogério Flausino e Fernanda Mello – O que eu também não intendo (Jota Quest))


Anúncios

From → Frases

One Comment
  1. Wirvanor Queiroz permalink

    Excelentes idéia e escolha. O cancioneiro popular brasileiro apresenta coisas surpreendentemente lindas vindas do fundo de corações que conheceram momentos de rara felicidade, e outros que lhes trouxeram amargura e tristeza.. Só o poeta é capaz de nos dar idéia do que é sobreviver a momentos tão desiguais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: